quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

APROVAÇÃO EM EXAME DE ORDEM




O deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) é relator de 20 projetos de lei que tratam da exigência de aprovação em exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para o exercício da profissão de advogado.

O tema provoca divergências. Alguns consideram que o exame, ao testar a capacidade dos futuros advogados, traz uma garantia de bons serviços prestados. Para outros, o melhor seria uma melhor fiscalização dos cursos superiores e não numa prova para avaliar o conhecimento dos bacharéis em Direito. Questionado na Justiça, o exame de admissão da Ordem foi considerado constitucional pelo Supremo Tribunal Federal (STF). 

A OAB está preocupada com a formação dos estudantes de Direito, ou o exame é uma forma de arrecadar recursos para a entidade, como afirmam os críticos? Eis a questão!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Palavrões não são permitidos!!!